História

As origens do Grupo Auto-Industrial remontam a 1920 com a fundação, em Coimbra (Portugal), da firma Auto-Industrial.
Conheça aqui em detalhe toda a história, de quase um século, do Grupo Auto-Industrial.

1920

Constituição Auto-Industrial Lda

Constituição a 20 de Dezembro, em Coimbra, da Auto-Industrial Lda, sendo o capital social de 250 mil escudos subscrito por 32 accionistas, alguns dos quais antepassados de muitos dos actuais accionistas.

Sendo de destacar entre os fundadores: o Dr. Abel Pereira Andrade, Adriano Viegas da Cunha Lucas, Augusto Luiz Martha, José Correia Amado e o Dr. Mário Raul Leite Santos.

1921

A Auto-Industrial adquire a Empreza Automobilística Portugueza. Esta firma tinha sido fundada em 1902 em Coimbra por um dos pioneiros do desporto automóvel nacional, o Dr. Tavares de Melo, representando os automóveis Darracq.

Ampliação e modernização do edifício da sede, na Av. Navarro, nº 36, em Coimbra, actual sede social da empresa.

Aumento do capital social para 400 mil escudos com a entrada de 10 novos accionistas.

1928

Início da representação da Ford como agente.

1930

Transferem-se as oficinas de Coimbra, da Avenida Navarro, nº 36, para o nº 51 da mesma artéria, em prédio alugado para o efeito, por forma a melhorar a assistência aos automóveis Ford. A Auto-Industrial representava directamente as marcas Darracq, Baiar-Clement, Rochet-Schneider's e Buick, sendo subagente da Overland, Chevrolet, Citröen e Dion-Bouton.

1932

Início da concessão General Motors.

1934

Arrendamento de um stand no Porto, na Rua Cândido dos Reis, para venda de veículos da General Motors.

1939

Início da distribuição dos motores Perkins.

1940

Inauguração do edifício do Arnado, em Coimbra. Este edifício foi especialmente construído para a assistência automóvel na mais larga escala. As instalações, pela sua dimensão (8.130 metros quadrados de área coberta e 4.639 metros quadrados de logradouro), e pelo conjunto das mais variadas secções especializadas, foram, na altura, das mais importantes, senão as mais importantes da Península.

Para além do arrojo que a iniciativa representou, ela evidenciou plena confiança no futuro do automobilismo em Portugal. Inaugurado durante a Segunda Grande Guerra, o empreendimento veio permitir um apoio do maior valor ao parque automóvel português, facilitado pela grande quantidade de peças sobressalentes que a empresa sempre manteve em armazém.

1947

É aberta em Lisboa uma filial da Auto-Industrial, na Avenida Duque de Loulé, concessionária da General Motors, para os automóveis Vauxhall e camiões Bedford, com importante armazém de peças e uma pequena oficina de revisão.

1949

É inaugurada uma filial em Leiria, na Rua Capitão Mouzinho de Albuquerque. Esta filial foi nomeada concessionária da General Motors para as marcas Chevrolet, Vauxhall e Bedford. As instalações incluíam oficinas e armazéns, ficando o stand de exposição de viaturas na Rua Machado dos Santos, nºs 25-27.

1956

Abrem ao público as oficinas da Auto-Palace

Profundamente remodeladas, mas preservando toda a estrutura, abrem ao público as oficinas da Auto-Palace, na Rua Alexandre Herculano, nº 66, em Lisboa, que a Auto-Industrial havia adquirido no ano anterior, para permitir a ampliação dos serviços de assistência às viaturas vendidas em Lisboa, cuja concessão General Motors tinha, entretanto, sido ampliada e tornada extensiva às viaturas Opel.

A Auto-Palace, um grande edifício que ocupa cerca de 2.000 metros quadrados de terreno e tem uma área coberta de 3.705 metros quadrados, fazia já parte da tradição lisboeta. Este edíficio foi projectado e construído pelos conceituados construtores Vieillard & Touzet, entre 1906 e 1907, tendo a sua famosa estrutura metálica sido projectada pela empresa de engenharia de Gustavo Eiffel, aquando da sua vinda a Portugal para a construção de pontes ferroviárias, nomeadamente a de D. Maria, no Porto.

A sua estrutura, os seus vidros, a imponente fachada e os excepcionais vitrais, assinados por C. Martins, são por si, testemunho de um certo conceito de esmero, requinte e harmonia, que nesses tempos eram timbre mesmo na construção fabril ou industrial, revelando também o entusiasmo que, no princípio do século, mereceu o automobilismo em Portugal. A arrojada iniciativa ficou a dever-se a Carlos Bleck, da Sociedade Portuguesa de Automóveis, fundada no ano de 1904.

1964

É constituída a firma Tecnicar, Automóveis SARL, associada da Auto-Industrial, com sede e instalações na Rua de D. Estefânia, nº 84-A, com vista à exploração de actividades afins, nomeadamente no campo de máquinas industriais, de construção e agrícolas.

Em 7 de Fevereiro deste ano, a Auto-Industrial é transformada em Sociedade Anónima de Responsabilidade Limitada, sendo o capital social de 15 mil contos. Em Março o capital seria aumentado para 25 mil contos.

1966

Com a colaboração da BP, abre no Estoril, na Avenida de Nice, uma nova filial. As instalações estão dotadas de stand de vendas e serviços de assistência, mormente de serviços rápidos para apoio da concessão General Motors de Lisboa com as marcas Vauxhall, Bedford e Opel.

1968

A fim de dotar Coimbra de um Service Bureau e resolver, assim, entre outros, o problema da mecanização dos serviços de contabilidade e estatística da Auto-Industrial, constituiu-se naquela cidade a sua associada Gesteco - Centro de Gestão de Coimbra Lda.

1969

No seguimento da constituição neste ano da empresa associada C.A.M. - Camiões, Automóveis e Motores Lda., actual concessionário «Ford» no Porto, abrem ao público grandes oficinas gerais no Porto, na Rua Delfim Ferreira.

Em Lisboa, iniciam a sua actividade as oficinas da Portela da Ajuda, na Estrada da Circunvalação, em prédio adquirido para o efeito, exploradas pela associada Tecnicar, onde é prestada assistência às máquinas de sua representação, e ainda às marcas «Vauxhall», «Bedford» e «Opel», de que a Auto-Industrial é concessionária.

Aumento do capital para 35 mil contos.

1970

É constituída a empresa associada Novicar - Automóveis e Tractores Lda., que passa a explorar as instalações em Santarém, no Campo Sá da Bandeira, actual Avenida do Brasil, com oficinas gerais, armazéns e vendas, concessionária dos automóveis Chrysler e dos tractores Valmet.

1971

Publicação no Jornal do Dia, de um resumo da história da Auto-Industrial.

Publicação no Jornal do Dia, de um resumo da história da Auto-Industrial desde 1920 (ano a que remonta a sua origem) até 1970. Reuniram, para comemorar, em Coimbra, cerca de 2.000 pessoas.

Aquisição do terreno de Torres Vedras, com cerca de 5.000 metros quadrados.

Entregue a representação das máquinas agrícolas Claas à Associada Tecnicar Automóveis SARL. Início da actividade da associada Frota, na Figueira da Foz.

1973

Participação maioritária na constituição das firmas Gilauto - Automóveis, Máquinas e Equipamentos, SARL actual concessão da Renault em Lisboa. Durante este ano é também adquirida a Japanauto - Automóveis SARL nesta altura concessionário da marca Mazda (desde 1993 com a designação de Central Parque - Automóveis SA).

Início da distribuição dos tractores Ebro.

1978

Aquisição da União Eborense de Automóveis, concessão da Fiat em Évora.

É constituída em Viana do Castelo a empresa Forte - Camiões, Máquinas e Reparações Lda.

1980

Constituição da sociedade Motolusa - Motores de Portugal

Constituição da sociedade Motolusa - Motores de Portugal, para distribuição e assistência aos motores diesel Perkins e Rolls-Royce.

É constituída também a sociedade Tractores Ibéricos Lda, importadora dos tractores Ebro.

Criada a concessão Renault para o Estoril e Cascais através da empresa Auto Horizonte - Comércio e Reparações Lda.

Apostando numa nova área de negócio é constituida a Auto-Industrial - Mediador de Seguros Lda.

Aquisição de instalações na Portela de Carnaxide, nos arredores de Lisboa.

Aquisição de terrenos em Torres Vedras (18 mil metros quadrados) e Coimbra (22 mil metros quadrados).

1981

Aumento do capital da Auto-Industrial para 175 mil contos.

1982

Inauguração de um ponto de exposição e venda na Malveira.

Compra de instalações de grande dimensão em Leiria (Alto do Vieiro).

É constituída, a 1 de Março, a Garagem de Santa Cruz, representante da marca Citroën em Coimbra.

Aquisição de instalações próprias em Alcobaça.

Início da importação e distribuição na zona sul de Portugal dos Tractores Fendt.

1983

Inauguração de novas instalações na zona industrial de Torres Vedras e de Leiria.

Constituição da empresa Sagrup - S.A.G.C.A. Lda. em conjunto com outros concessionários da General Motors tendo por objecto as vendas em grupo.

Participação na constituição de duas das primeiras sociedades de locação financeira nacionais: a Sofinloc SARL em parceria, entre outros, com o Banco Português do Atlântico e o Barclays Bank; e Locapor SARL em parceria com a Caixa Geral de Depósitos.

1984

Total reconversão das instalações da Av. Duque de Loulé, nº 93, em Lisboa.

1985

Nomeação como distribuidor exclusivo dos tractores Fendt.

Centralização das operações de venda e assistência General Motors no edifício Auto Palace, em Lisboa.

Nomeação como distribuidor exclusivo dos tractores Fendt para Portugal continental e ilhas.

1987

Início de um sistema próprio de crédito à compra de viaturas, com a designação de Crédito-Mais.

Realização de 2 emissões de Obrigações, 350 mil contos com a MDM e 325 mil contos com o BPA, ambas as emissões foram integralmente colocadas.

Aumento do capital social para 700 mil contos.

Início da importação e distribuição para Portugal dos tractores Hinomoto.

1988

Liberalização de mercado de automóveis de passageiros e mistos, com grande expansão de vendas.

1989

Pedido de autorização, ao Ministério das Finanças, para a passagem da Tecnicrédito - Automóveis SA. a S.F.A.C. (Sociedade Financeira para Aquisições a Crédito), com o capital de 500.000 contos.

1990

Autorizada a transformação da Tecnicrédito - Automóveis SA. em S.F.A.C., solicitada no ano anterior.

Aquisição de 50% da sociedade Digitese - Consultadoria e Aplicações Informáticas Lda.

Encontro de quadros do Grupo Auto-Industrial, em 23 e 24 de Novembro no Hotel Estoril-Sol.

1991

Início da importação e distribuição dos Tractores Kubota.

Aumento do capital social da Auto-Industrial para 1.100 milhares de contos.

Inicia-se, através da sociedade Tractores Ibéricos Lda, a importação e distribuição, em Portugal, dos Tractores Kubota, líder no sector dos tractores compactos.

A Auto-Industrial participa, através do consórcio Movifone SA, conjuntamente com o Banco Totta & Açores e a Vodafone no concurso de atribuição da licença para um operador privado da rede GSM (telefonia móvel) em Portugal.

Participação, em 35%, no capital da Modipe SA. novo importador e distribuidor Perkins para Espanha.

Atribuição do Troféu Roda de Prata feita pela A.C.A.P. - Associação do Comércio Automóvel de Portugal à Auto-Industrial.

Início da Centralização Financeira do Grupo Auto-Industrial. Com a adopção deste software específico passa a ser possível gerir centralmente a Tesouraria das empresas do grupo, com a consequente optimização da gestão dos recursos financeiros do Grupo.

1992

Tomada de posição em 25% do capital da Macaulease - Locação Financeira SA e constituição de uma nova empresa na área financeira, a Tecnilease, com a participação da Auto-Industrial e do Banco Comercial de Macau no respectivo capital.

Criação da Divisão de Telecomunicações com instalações próprias em Lisboa e em Faro. Tendo como principal actividade a importação de Telemóveis Technophone, fabricados pela Nokia Mobile Phones, e a venda do serviço Telecel.

1994

A Auto-Industrial fica detentora da totalidade do capital da Gesteco - Centro de Gestão de Coimbra Lda, por aquisição dos restantes 50%.

1995

Abertura de novo stand C.A.M. em Matosinhos.

Abertura de novo stand de vendas da C.A.M. - Camiões, Automóveis e Motores Lda. em Matosinhos.

Na sequência da sua rápida expansão, a Tecnicrédito adquire a Sagrup-Rent, acrescentando o Aluguer de Longa Duração (A.L.D.) à sua carteira de produtos. No final do ano esta associada possuía já uma importante rede de delegações nos principais distritos do país: Lisboa, Porto, Coimbra, Faro, Setúbal, Leiria, Braga, Aveiro, Viseu, Castelo Branco e Santarém.

Aumento do Capital Social da Auto-Industrial S.A. para 1.500 milhares de contos.

Importante remodelação do stand de vendas, oficina e escritórios do Edifício Auto-Palace em Lisboa. Obras de conservação e iluminação da fachada deste edifício histórico.

Convívio comemorativo em Coimbra, com a presença do Conselho de Administração e quadros superiores do Grupo, para assinalar os 75 anos da Auto-Industrial.

1996

A Auto-Industrial - Mediação de Seguros Lda altera a sua designação para Margem - Mediação de Seguros Lda, procurando deste modo alargar ainda mais a sua área de actuação fora do Grupo Auto-Industrial.

Reforçando a sua presença na região de Lisboa, a Gilauto SA inaugura novas oficinas na zona de Campo de Ourique, aproveitando instalações e funcionários do antigo concessionário Renault para este zona.

A aquisição, a 31 de Dezembro, ao Banco Português do Atlântico de 50% do capital social da Tecnicrédito permite à Auto-Industrial retomar integralmente a sua posição numa empresa que fora criada no seu seio e que ocupa posição de grande relevo no mercado do financiamento à aquisição de automóveis.

1997

Aquisição, a 10 de Janeiro, da totalidade das quotas da Moto - Meca R.L. concessionário Opel da região do Porto.

Transferência da Administração de Lisboa e dos Serviços Centrais da Auto-Industrial para novas instalações na Av.Fontes Pereira de Melo, em Lisboa.

Em Março dá-se o aumento do capital social da Auto-Industrial para 2 milhões de contos.

Criação da Tecnicrédito S.G.P.S. ficando a Auto-Industrial com 85% do respectivo capital social. A Tecnicrédito S.G.P.S. detém a totalidade do capital social da Tecnicrédito - Financiamento de Aquisições a Crédito.

Prosseguindo a sua estratégia de crescimento, a Auto-Industrial cria uma nova área de negócio dedicada à comercialização de automóveis usados através da marca AutoUsados (usados multimarca). Esta nova área de negócio abre as portas ao público em Outubro com pontos de venda em Lisboa, Pêro Pinheiro, Malveira, Faro, Leiria e Coimbra.

No âmbito do desenvolvimento das novas tecnologias de informação a Auto-Industrial cria um site na Internet. Neste site www.auto-industrial.pt é possível obter informações sobre a empresa e os automóveis Opel. Também neste ano, procede-se à renovação do software de Gestão e de Telecomunicações em todas as empresas do Grupo. O importante investimento nesta nova aplicação (SGIX) permite a integração da Contabilidade, Pessoal, Facturação, Stocks e Vendas em todo o Grupo Auto-Industrial, com os consequentes benefícios em termos de gestão.

Também neste ano, a Tecnicrédito, com o apoio de um dos maiores grupos financeiros europeus (Deutshe Bank), organizou um programa de securitização de activos - Asset Backed Securitisation - no montante de 100 milhões de marcos com a duração de sete anos, operação pioneira em Portugal que revela a capacidade de desenvolvimento, pesquisa e inovação na actividade financeira, que caracterizam a Tecnicrédito.

Após estudo, por empresa especializada, é lançada em Abril a nova Corporate Image da Auto-Industrial e de todas as empresas associadas. Com esta nova imagem pretende-se homogeneizar a identificação visual das empresas do grupo de modo a aumentar o seu reconhecimento interno e externo.

1998

A associada Moto Meca RL altera a sua designação para Auto-Industrial Porto Lda.

Em 1 de Abril a Auto-Industrial S.A. lança oficialmente uma nova área de negócio: aluguer de viaturas e gestão de frotas.

A Gilauto S.A. remodela o Stand de Vendas nos Olivais e abre um novo Stand nos Prazeres.

A C.A.M. abre um novo Stand de Vendas na Av.dos Aliados, Porto.

Constituição de empresa de crédito na Hungria, a Tecnicredito Magyarosag.

1999

Nomeação da União Eborense Lda. como concessionário Lancia para o distrito de Évora.

Aquisição de concessionário Ford para a zona de Lisboa, Cascais e Oeiras: Solmotor S.A.. Passando a associada C.A.M. a operar tambem na Grande Lisboa, para além do Grande Porto. Inicío da publicação pelas empresas do sector agrícola do Grupo da Newsletter Agricultura & Máquinas.

2000

Comemoração do 80º aniversário da Auto-Industrial

A Tecnicrédito - Financiamento de Aquisições a Crédito S.A. é autorizada pelo Banco de Portugal a transformar-se em Banco passando a designar-se por Banco Mais S.A.

Nova operação de Securitização, no valor de 150 milhões de Euros, com rating AAA, a primeira realizada em Portugal com esta notação.

Início da representação, na zona norte de Portugal, dos automóveis Chrysler e Jeep, através da associada EUA Lda.

Inauguração em Rio Tinto das novas instalações da Auto-Industrial Porto. Neste local com uma área útil de 23.000 m2 serão concentrados de forma integrada todos os serviços Opel desta concessão.

A Auto-Industrial alarga a sua cobertura na zona de Lisboa com a abertura de um novo espaço Opel em Alcântara.

O Capital Social da Auto-Industrial é aumentado para 2.500.000.000$.

Abertura na internet de site www.motolusa.pt consagrado à comercialização de motores diesel e embarcações marítimas de marcas representadas pelo Grupo.

Comemoração do 80º aniversário da constituição da Auto-Industrial, este evento fica assinalado por uma campanha publicitária nos principais meios de comunicação nacional e por uma promoção junto dos clientes das concessões Opel que consistia na oferta de pistas eléctricas de automóveis e num concurso cujo o prémio foi uma viagem às Caraíbas.

2001

No âmbito da adopção da nova moeda europeia, o capital social da Auto-Industrial é redenominado para 12.500.000 Euros.

Reforçando a sua presença na internet são abertos vários sites: o site institucional do Grupo www.grupoautoindustrial.pt que para além da informação institucional funciona como portal de entrada para os outros sites do Grupo; o site da área de negócio de usados www.autousados.pt, o site da aréa de negócio de máquinas e equipamentos agrícolas e o site do concessionário Chrysler e Jeep do Grupo.

Abertura em Benavente de novas instalações da Divisão Agrícola, esta inauguração coincide com a comemoração dos 30 anos de presença da marca Claas em Portugal.

A EUA Lda alarga a sua cobertura geográfica com a abertura de um novo stand de vendas Chrysler e Jeep em Penafiel.

Prosseguindo a sua estratégia de internacionalização, o Banco Mais abre uma sucursal em Espanha.

2002

Em Julho deste ano é adquirida a totalidade do capital social da Mercentro S.A. concessionário oficial da Mercedes-Benz em Aveiro (veículos de passageiros e comerciais) e em Viseu (veículos comerciais pesados). A Mercentro S.A. dispõe de modernas instalações (stand de vendas, assistência técnica e peças) em Aveiro.

Expansão da C.A.M. (concessão Ford) com a abertura de novas instalações em Leça da Palmeira e em Campo de Ourique (Lisboa).

O edifício Auto-Palace em Lisboa, foi considerado pela Ordem dos Engenheiros como uma das 100 obras de engenharia mais importantes de Portugal no séc. XX.

2003

Início da importação exclusiva para Portugal das máquinas agrícolas Renault. Representação da Alfa-Romeo em Évora.

2004

Aquisição da Sodicentro Lda, distribuidor oficial da Mercedes-Benz e da smart em Coimbra e em Leiria.

EUA abre novo espaço para venda de usados em Braga (Celeirós).

2005

Medalha de Mérito Empresarial da cidade de Coimbra.

Representação da marca de automóveis Chevrolet em Coimbra e em Lisboa.

Banco Mais abre delegação na Eslováquia.

Grupo Auto-Industrial recebe Medalha de Mérito Empresarial da cidade de Coimbra.

Por deliberação unânime da Câmara Municipal de Coimbra foi concedida ao Grupo Auto-Industrial a Medalha de Mérito Empresarial. Esta atribuição é "uma forma de reconhecimento pela capacidade de trabalho e gestão demonstradas, pelo espaço conquistado no mercado e por todo o historial de bons desempenhos que têm caracterizado esta empresa sediada no Concelho de Coimbra, que em muito dignifica este Município e contribui para o respectivo progresso e desenvolvimento."

Alteração do capital social para 20 milhões de euros.

2006

Aquisição de concessionário BMW e Mini

Auto-Industrial inicía a distribuição dos automóveis Isuzu em Coimbra, Leiria e Porto.

Banco Mais abre delegação na Polónia.

Mercentro nomeada distribuidora smart em Aveiro.

A C.A.M. Abre novo stand de vendas em Lisboa, junto às Amoreiras.

Grupo Auto-Industrial nomeado para o prémio Best of European Business. Nesta categoria são distinguidas as empresas nacionais com estratégias de crescimento de sucesso. Esta iniciativa em Portugal conta com o apoio do Jornal de Négócios, Universidade Católica Portuguesa, Roland Berger e CNN.

A EUA Lda inicia a comercialização dos automóveis Dodge.

Aquisição de concessionário BMW e Mini em Leiria e Caldas da Rainha, a A. Brás Heleno S.A.

2007

100 anos do edifício Auto-Palace em Lisboa.

A C.A.M. é nomeada concessionária Mitsubishi no Porto.

Lançamento da marca AutoPremium vocacionada para a comercialização de automóveis usados de gama alta.

Celebração do 100 anos do edifício Auto-Palace em Lisboa.

Realização de Mega-Feira de Usados em Leiria e em Lisboa.

Remodelação total do stand Renault em Lisboa na Av.Duque de Loulé.

2008

Início da distribuição dos automóveis Fiat em Leiria através da A. Brás Heleno.

2009

Integração, a partir de 30 de Setembro, da Tecnicrédito (Banco Mais) no Grupo BANIF passando a Auto-Industrial a deter uma participação qualificada no capital social do BANIF SGPS.

Inauguração de novo stand de vendas Opel em Leiria no Alto do Vieiro.

Início da importação e distribuição, através da empresa Sagar, dos tractores italianos Landini.

2010

Comemoração do 90º aniversário da Auto-Industrial.

Comemoração do 90º aniversário da fundação da Auto-Industrial.

Novas concessões dos automóveis Kia em Braga, Jeep, Chrysler e Dodge em Coimbra, Alfa Romeo em Leiria e Seat em Lisboa (Alcântara).

Início da importação e distribuição, através da Divisão Agrícola da Auto-Industrial, da marca Vogel Noot.

Novo website do Grupo Auto-Industrial no âmbito da comemoração do 90º aniversário da fundação da Auto-Industrial.

2011

A Gilauto S.A. inaugura um novo stand de vendas Renault no Restelo.

O Grupo Auto-Industrial e a Motolusa comemoraram a inauguração de um novo espaço, a Marina Monsanto – Barcos Felizes, Viagens Perfeitas, nos dias 21, 22 e 23 de Janeiro.

Início da distribuição dos automóveis Škoda na Eborense Car em Évora e na Central Parque S.A. em Lisboa. Sob o lema New Thinking. New Possibilities. foi iniciada a distribuição dos automóveis Hyundai, em Lisboa, através da CAM.

Lançamento da página do Facebook Grupo Auto-Industrial – ramo automóvel.

Abertura do novo ponto de recepção de serviço Opel e Chevrolet da oficina da Auto-Industrial em Rio Tinto.

Início da distribuição dos automóveis Citroën em Leiria através da Sodicentro Leiria.

Inauguração de novo stand de vendas Chevrolet em Lisboa na Avenida da República. Este espaço conta com a exposição e venda dos míticos CORVETTE e CAMARO, e do revolucionário e inovador automóvel eléctrico VOLT.

Inauguração das novas instalações Mitsubishi da CAM no Porto, na Rua Delfim Ferreira.

2012

Auto-Industrial com novo website Opel.

C.A.M. representa Fiat e Alfa Romeo no Grande Porto.

A Auto-Industrial Coimbra melhor concessionário do ano Chevrolet.

Grupo Auto-Industrial atingiu os 5.000 fãs no Facebook.

Dezembro 2012: Auto-Industrial Lisboa nova representante Hyundai.

2013

Prestação Comercial de Excelência da Sodicentro

A Sodicentro, Concessionário Mercedes-Benz e smart, em Coimbra, conquistou o 3º lugar nacional em Prestação Comercial de Excelência, prémio atribuído pela marca Mercedes-Benz e que é relativo à performance comercial dos últimos 3 meses de 2012. Os critérios considerados foram, a percentagem de vendas de automóveis novos, mas também de usados, bem como a percentagem de negócios fechados e o índice de satisfação dos consumidores, sejam clientes da Mercedes-Benz ou smart.

A Gilauto abre novas instalações integradas em Alcântara, Lisboa. Este novo local opera como concessionário Renault e Dacia (nova concessão).

Inicio da atividade no âmbito do grupo de nova empresa de mediação de seguros: Segline Seguros Lda.

2015

Junto com os 95 anos do Grupo chegou o Centro Renault Pro+

Auto-Industrial assinala os 95 anos de existência.

Em Dezembro, após decisão de resolução do Banif pelo Estado Português, o Grupo deixa de ter participação no capital social desse Banco.

A Gilauto, em Lisboa, passa a ser centro Renault Pro+, que presta um serviço de maior proximidade à medida das necessidades dos seus clientes.

2016

Profunda remodelação e modernização da Garagem do Arnado em Coimbra (edifício construído em 1940) e que opera atualmente como concessionário Opel e Isuzu.

Transferência da sede da Auto-Industrial S.A. da Av. Navarro para a Av. Fernão Magalhães (Garagem do Arnado).

Após remodelação, abertura de novo stand Opel (Opel Adam Store) na Av. da Republica em Lisboa.

Reforço da presença do Grupo Auto-Industrial na internet e nas redes sociais:

   » novos websites smart das empresas Sodicentro www.sodicentro.pt/smart e Mercentro www.mercentro.pt/smart
   » novo website da empresa Motolusa www.motolusa.pt
   » novo website AutoUsados www.autousados.pt e AutoPremium www.autopremium.pt
   » lançamento da página do facebook da Motolusa www.facebook.com/motolusa
   » lançamento das páginas do facebook do Sector Agrícola em Portugal:

Fendt www.facebook.com/fendtportugal
Landini www.facebook.com/landiniportugal
Kubota www.facebook.com/kubotaportugal

Após remodelação, abertura da nova Ford Store na C.A.M. SA em Perafita (Matosinhos/Porto).

Abertura pela C.A.M. SA do salão de exposição da marca Mitsubishi em Rio Tinto (Porto).

2017

Grupo Auto-Industrial atingiu os 16.000 fãs no Facebook.

Lançamento da página do facebook do Grupo Auto-Industrial – Sector Agrícola: Kuhn em Portugal.

Transferência das instalações da A. Braz Heleno, reparadora oficial BMW e Mini Service e representante AutoPremium e AutoUsados, para a Rua do Alto Vieiro nº1, em Leiria.

Lançamento da AutoGlobal, a rede de Oficinas Automóvel Multimarca do Grupo Auto-Industrial. A primeira oficina encontra-se na cidade de Coimbra, mas o plano de expansão prevê chegar a todo o território Nacional.

Sodicentro de Coimbra distinguida pela Mercedes-Benz Portugal com prémio de concessionário do ano Mercedes-Benz VLP 2016.

Mudança de escritório da Administração para o 6º piso, em Março.

Abertura pela C.A.M. SA de stand de vendas Ford com oficina integrada em Alfragide (Lisboa), em Maio.

Abertura pela C.A.M. SA de novo salão de vendas e oficina Fiat e Alfa Romeo em Rio Tinto (Porto).

C.A.M. recebe pela 10º vez da Ford o Chairman´s Award, desta vez relativo a 2016

Aquisição de uma BEDFORD de 1934, em Abril, para recuperação nas oficinas da Auto-Industrial.

Abertura de Novo stand de vendas e assistência pós-venda CAM - Fiat, Alfa Romeo e Mitsubishi, em Rio Tinto, em Julho.

Abertura de Novo stand de vendas CAM - Fiat, Alfa Romeo, Jeep, Abarth, na R. Delfim Ferreira, em Novembro.

Campanha Publictária Nacional do Grupo Auto-Industrial Black Friday.

2018

Sodicentro abre novas instalações em Pombal

Em Janeiro, os Tractores Kubota importados e distribuídos por Tractores Ibéricos Lda. foram em 2017 a marca de tractores mais vendida em Portugal (pelo primeira vez desde sempre foi Nº1 absoluto em vendas).

De realçar também, o facto de a Kubota ter no mercado português a quota mais alta da Europa sendo o único país onde é líder absoluta de mercado.

Em Abril, a Sodicentro abre novas instalações em Pombal para vendas Mercedes Certified, VCL.

2019

Grupo Auto-Industrial renova o wesbite.

A Julho de 2019, a Motolusa começa a distribuir a marca Villager, especialista em produtos para jardim, floresta e ferramentas.

Siga-nos

Já segue o Grupo Auto-Industrial?
Conheça, em primeira mão, todas as novidades.

Newsletter

Inscreva-se e receba regularmente informação
personalizada no seu email.

Arbitragem de conflitos de consumo

Conforme Lei nº 144/2015, o consumidor pode recorrer ao Centro de Arbitragem do Sector Automóvel, com sítio em www.arbitragemauto.pt e sede na Av. República,44 - 3º Esqº, 1050 194 Lisboa