Novidades

Saiba como preservar a caixa de velocidades manual

15/09/2021 | Automóvel

Para garantir uma maior longevidade da mecânica do seu automóvel, deve assegurar que os seus hábitos de condução não colocam em risco a qualidade da caixa de velocidades.

Existem determinado hábitos adquiridos pelos condutores ao longo dos anos, que podem originar variados problemas com a caixa de velocidades. E é de conhecimento de todos que este elemento do automóvel é um dos elementos mais cruciais para o funcionamento do automóvel, quer ela seja manual ou automática.

Por isso, reunimos algumas boas práticas para que consiga estimar e cuidar da caixa manual da sua viatura. Saiba quais os principais erros que podem comprometer a qualidade da caixa:


1. Repousar a mão nas mudanças


É um hábito bastante comum nos condutores mais experientes manter a palma da mão sobre a manete das mudanças enquanto conduz. Para além de ser perigoso conduzir apenas com uma mão, o peso exercido sobre a alavanca com a mão, pode ser prejudicial para os componentes do sistema de transmissão. O desgaste acaba por ser maior e precoce e é um hábito que pode ser facilmente contrariado.


2. Não colocar a viatura em ponto morto quando estiver parado num semáforo


Outro erro bastante comum entre os condutores acontece sempre que param num semáforo. Quando estiver parado no vermelho, o mais aconselhável é colocar o carro em ponto morto e retirar o pé da embraiagem, dando descanso ao pé esquerdo. O facto de manter uma mudança engatada enquanto espera pelo sinal verde, está a forçar o pedal da embraiagem sem qualquer necessidade, desgasta a caixa e também a embraiagem do seu veículo.


3. Não dominar o uso ponto de embraiagem nas subidas.


Não é a tarefa mais fácil quando se aprende a conduzir e nem todos os condutores acabam por conseguir dominar o ponto de embraiagem e controlá-lo de forma equilibrada e espontânea.
Quando o condutor não consegue dosear bem a embraiagem e o acelerador para conseguirem encontrar o ponto de embraiagem, comprometem o bom funcionamento da caixa manual.


4. Não reduzir velocidades quando necessário


Quando está numa subida e o automóvel começa ou a perder velocidade, ou chega ao ponto do carro começar a soluçar, nada lhe serve de acelerar mais para tentar aumentar a velocidade. Isto acontece quando está a conduzir num regime de baixas rotações, e pode levar não só ao aumento nos gastos de combustível, como também ao desgaste da caixa de velocidades.
Opte sempre por reduzir uma velocidade, desta forma estará a evitar problemas a longo prazo.


5. Repousar o pé esquerdo no pedal da embraiagem


Este hábito chega a ser praticado mesmo no início da aprendizagem de condução. Ao repousar o pé no pedal da embraiagem, pode desgastar progressivamente o pedal e vai condicionar o seu funcionamento.


6. Arranque em segunda


Ao arrancar em segunda, compromete não só 50% do disco de embraiagem, como também pode trazer consequências indesejáveis para a mecânica da caixa de velocidades. É outro hábito que deve evitar fazer com a caixa manual.

7. Colocar a primeira sem que o carro esteja parado


Tal como não deve arrancar em segunda quando o carro está parado, também deve evitar colocar a primeira enquanto o carro já está em movimento. A transmissão acaba por fazer ações que não é predestinada a fazer. Desta forma o eixo de transmissão pode sofrer danos pela agressividade da primeira mudança.


Como sei se a caixa está a ficar desgasta?

Com a repetição destes hábitos, ao longo do tempo, o sinal de desgaste da caixa manual, acaba por ser inevitável e de certo modo evidente. Se estiver curioso em saber se a caixa do seu automóvel está desgasta, seguem alguns indícios que o podem ajudar a descobrir se necessita de alguma intervenção:

  •  Tem a sensação que as mudanças “arranham” quando as engrena;
  •  Ao engrenar uma mudança, ela não entra na mudança pretendida e retorna ao ponto morto.
  • Quando o motor está ligado, a alavanca move-se.

Se algum destes aspetos estiver a acontecer na caixa do seu automóvel, ou estiver com suspeitas de que a o estado da caixa já não está tão saudável como desejaria, na AutoGlobal tem os especialistas indicados para o ajudarem!


Faça aqui a sua marcação e garanta a sua segurança e a longevidade do seu automóvel!

Ver todas as novidades »

Siga-nos

Já segue o Grupo Auto-Industrial?
Conheça, em primeira mão, todas as novidades.

Newsletter

Inscreva-se e receba regularmente informação
personalizada no seu email.

Arbitragem de conflitos de consumo

Conforme Lei nº 144/2015, o consumidor pode recorrer ao Centro de Arbitragem do Sector Automóvel, com sítio em www.arbitragemauto.pt e sede na Av. República,44 - 3º Esqº, 1050 194 Lisboa